Educação domiciliar: queremos o fim da escola?!

escolan

Pode parecer meio estranho esse questionamento… No entanto, cada vez que vejo pessoas se levantando radicalmente contra a educação domiciliar (sem nem conhecer a fundo o assunto, diga-se de passagem – mas ok rs) elas parecem carregar nos seus discursos um medo, uma insegurança, alguma coisa que as impossibilita até de continuar uma conversa saudável.

Obviamente, não são todos que se opõem ao homeschooling que agem dessa maneira. Ainda sim, muitos parecem temer alguma coisa. Mas…. temem o que?! O que pode ser tão ameaçador em um estilo de vida sem crianças indo para a escola? O que será que elas pensam dessas famílias que educam em casa?!

Bom, já li inúmeras vezes pessoas dizerem ser contra o homeschooling por conta da socialização – “as crianças não vão ter amigos”, “elas só vão conviver com quem é igual a elas”. Sobre esse assunto, sugiro que você recomende as leituras desse texto, desse aqui, desse aqui e desse aqui pra quem quer que venha falar com você sobre isso rs. Seguindo adiante, o medo dos opositores ferrenhos persiste….

Há gente que tem medo que as famílias que educam em casa lutem pelo fim da escola e consequente extinção da profissão professor – sim, você leu certo. Há pessoas que temem perder seus empregos para ~simples pais~, que ~nem formação acadêmica específica possuem~.

Para esses, necessito dizer que: homeschooler não quer o fim da escola. Não. Nosso desejo não é que todas as escolas sejam fechadas, destruídas ou tomadas por famílias para educarem seus próprios filhos … Esse não é o objetivo de nenhum pai ou mãe. Não somos um rei monárquico para obrigar ninguém a nada nem para invadir as vidas privadas de ninguém – apesar do nosso Estado ser altamente intrometido e muitas vezes autoritários, não somos ele.

Deixe-me reforçar: não queremos o fim da escola. Então, o que queremos? Liberdade para escolher entre colocar meu filho na escola OU ensiná-lo em casa, crendo que um ou outro é melhor para ele. No caso da maior parte dos homeschoolers, cremos que educar nossos próprios filhos é um dever nosso, um direito humano, um enorme benefício para eles e para a sociedade. Nenhum jovem bem disciplinado, bem instruído, bem formado é um dano para a sociedade.

Não queremos que todas as escolas fechem e todo mundo seja obrigado a estudar em casa… simplesmente há pessoas que não desejam isso para seus filhos, há pessoas que escolheram administrar a educação das crianças enviando-as para uma boa escola e fazem um excelente trabalho de acompanhamento e verificação dos conteúdos deles… Portanto, ninguém aqui nesse mundo do homeschooling quer obrigar quem vai pra escola virar um homeschooler.

Reconhecemos que a escola desenvolve um papel importante na sociedade, principalmente para os pais que não dispõem de condições de ficar com seus filhos em tempo integral… essas coisas existem, não podemos fechar nossos olhas para elas. No entanto, é preciso reconhecer que ela não é a única forma de obtenção de instrução e conhecimento. Ademais, basta ter olhos para ver a situação em que se encontram as instituições hoje em dia no Brasil. É decadente: alfabetização beira o ridículo, as doutrinações¹ a que os alunos se submetem é absurda e a falta de interesse dos alunos também não colabora.

Além disso, gostaria de dizer que a educação domiciliar não é conflitante com a profissão de professor. Se você é um deles e está lendo isso agora, tranquilize-se! Há pais que preferem ou necessitam contratar você para aulas particulares – e todos nós sabemos que isso é bom para o professor ;). Assim como há [e talvez sempre haja] pais que colocarão seus filhos na escola onde você trabalha!

Sendo assim, como disse o povo lá do Mitos do Homeschooling, “Ser homeschooler não é buscar o fim da escola, mas uma visão equilibrada que a coloque do tamanho que ela deve ter.”

Até mais! 🙂

 

¹ doutrinação: caro leitor, se na escola você aprendeu, assim como eu, que Cuba era um exemplo de sociedade, que o capitalismo, a burguesia e o protestantismo são o mal do mundo, que o Brasil está sob um governo neoliberal, dentre outras MILHÕES de coisas (ps: são só alguns pequenos exemplos…fique livre para pensar em mais!), sinto informar que você foi doutrinado.
Ser doutrinado significa receber do seu professor uma única explanação dos fatos, tendo ele tomado certas opiniões ou leituras como verdades ou doutrinas e imposto aos alunos… porque ai daquele que contradisser um professor desses, certo? Eu passo por isso até hoje na faculdade: se a opinião vigente é contradita, a errada sou eu…. a que ponto chegamos!
Anúncios

3 comentários sobre “Educação domiciliar: queremos o fim da escola?!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s