O “mito” da socialização -Raymond & Dorothy Moore

socializepost

“Ah, você faz homeschooling? E a socialização?”

“Uma das maiores objeções da sociedade e da pedagogia tradicional contra o homeschooling é o dito “problema da socialização”, expressado frequentemente na forma de uma acusação de que a criança não poderá se desenvolver individualmente e socialmente de maneira adequada sem a interação com outras crianças de sua idade. Paradoxalmente, os homeschoolers afirmam que o desejo pela boa socialização de seus filhos é exatamente uma de suas principais motivações para ensinar em casa, onde acreditam que podem oferecer um ambiente social mais rico e significativo pela interação amorosa e saudável da criança com os membros da família, amigos e colegas selecionados e supervisionados pelos pais. Os veteranos do homeschooling, o Dr. Raymond Moore, psicólogo desenvolvimentista, e sua esposa Dorothy, também educadora renomada, ajudam a esclarecer essa tensão nesse pequeno trecho do seu livro “Home-Grown Kids”, ao explicarem, com base em sólidas pesquisas educacionais, a maneira como a criança pequena é socializada, e qual é o ambiente ideal para que uma boa socialização floresça.”

via Educação Domiciliar

Se você quer saber mais sobre (a verdadeira) socialização, não deixe de ler o texto na íntegra. Ele é curto, mas muito explicativo.

Para ler, acesse o blog lincado acima, ou visite: Maçãs de Ouro – o Mito da Socialização

O texto O Mito da Socialização foi extraído do livro Home-Grown Kids, “Crianças Criadas no Lar: Um manual Prático para Ensinar seus Filhos em Casa”, de Raymond e Dorothy Moore, (pp. 121-125). Indicados pelo mundialmente conhecido Dr. James Dobson, os autores dedicaram suas vidas a pesquisas e publicação de livros e artigos para a defesa e proteção do Ensino Domiciliar quando este estava em sua fase inicial e enfrentava muita oposição, grandemente baseada nessa questão do “mito da socialização”, que os autores se empenharam a refutar com base em inúmeras pesquisas. Hoje, os autores são aclamados como os pioneiros e fundadores do atual movimento de Educação Doméstica. Raymond Moore é um psicólogo do desenvolvimento cujas pesquisas sobre família e escola foram publicadas em praticamente toda revista acadêmica no campo da educação nos Estados Unidos e internacionalmente, além de ser conhecido na mídia por suas entrevistas e conferências. Sua esposa, Dorothy, é especialista em leitura e em aconselhamento para pais que desejam ensinar seus filhos em casa nos primeiros anos.

Anúncios

4 comentários sobre “O “mito” da socialização -Raymond & Dorothy Moore

    • Isabela Ribeiro disse:

      Oi, Jessica! eu ainda estou pensando sobre isso …. pensando se eu acredito que eu devo (ou não) orientar com relação a isso. Tenho pensado mesmo. rs. Mas ainda estou amadurecendo a ideia na minha cabeça. Gosto que os pais se sintam livres do ensino escolarizado, mas sei como é importante tb dar uma help pros novatos tb … rs

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s